Após cinco anos, Schumacher não está mais em coma e não respira por aparelhos

Nesta terça-feira, 18 de dezembro, uma notícia comoveu o mundo. O ex-piloto da Fórmula 1, Michael Schumacher, enfim deixou o coma. Isso aconteceu cinco anos após o ex-Ferrari sofrer um grave acidente durante as férias, nos Alpes suíços. Ele esquiava, quando sofreu uma queda e bateu com a cabeça em uma pedra.

Além de sair do coma, Michael Schumacher, não respira mais com a ajuda de aparelhos. Apesar da boa notícia, ainda há dúvidas sobre o real estado de saúde de um dos maiores atletas de todo o tempo.

Apesar da melhora,  Michael Schumacher necessita de cuidados intensivos de enfermagem, que custam cerca de 50 mil libras por semana. Isso em reais significam cerca de 300 mil.

A informação sobre a melhora de Michael foi publicada pelo jornal Daily Mail, que é um dos maiores tabloides do mundo.

Outras notícias

POLÍTICA

Câmara de Salvador aprova projeto que cria Medalha Irmã Dulce

19 de Junho de 2019

POLÍTICA

Bahia pode receber recursos extra orçamentários para a saúde

19 de Junho de 2019

Aporte de verbas é resultado da articulação política do deputado federal Alex Santana em Brasília

POLÍTICA

Câmara de Cruz das Almas implanta CPI para investigar diversos problemas na Saúde do Município

19 de Junho de 2019

SAÚDE

Vereadora Marcelle Moraes alerta sobre o cuidado com os animais no período junino

19 de Junho de 2019

POLÍTICA

TJ-BA nega recurso do Grande Hotel Juazeiro contra o deputado Marcell Moraes

18 de Junho de 2019

Ver mais

Do amor à indecisão 09 de Março de 2018

STJ analisa liberdade de Temer na próxima terça-feira 09 de Maio de 2019

Justiça suspende leilão da Avianca marcado para amanhã 06 de Maio de 2019

Após mais de um ano sumido, Tiago Iorc lança álbum surpresa 05 de Maio de 2019

Leo Santana pede Lore Improta em casamento durante viagem a Dubai 25 de Março de 2019