TJ-BA aumenta vale-alimentação de servidores, juízes e desembargadores para R$ 1,1 mil

FOTO: REPRODUÇÃO

Enquanto para muitos brasileiros, o único recurso que receberão por mês é um salário mínimo de R$ 954, os servidores, juízes e desembargadores do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) receberão auxílio-alimentação de R$ 1.100. O valor será pago aos membros do TJ-BA já neste mês de outubro. O pagamento foi autorizado pelo presidente do tribunal, desembargador Gesivaldo Britto. O último reajuste do benefício ocorreu em fevereiro de 2017, quando foi elevado de R$ 862 para R$ 1.000 na gestão da então presidente, desembargadora Maria do Socorro. Vale lembrar que, a alta cúpula do TJ, além de receber vale-alimentação, ainda tem direito a lanches nas sessões plenárias. Só de fruta in natura para o lanche dos desembargadores, o tribunal gastou R$ 39 mil.

Outras notícias

NOTÍCIAS

MP-BA denuncia suspeito de matar mestre de capoeira Moa do Katendê

18 de Outubro de 2018

SAÚDE

Prefeitura amplia unidades de referência para vacinação de BCG e raiva humana

18 de Outubro de 2018

Estabilização do estoque de vacinas, garantiu a ampliação das unidades de referência para oferta dos imunobiológicos

POLÍTICA

Bolsonaro e Haddad assinam termo de compromisso à Constituição

18 de Outubro de 2018

SAÚDE

SMS realiza mamografias gratuitas nos dias 21 e 22 no bairro de Periperi

18 de Outubro de 2018

POLÍTICA

Caixa 2: Haddad e partido de Ciro vão à Justiça para cassar chapa de Bolsonaro

18 de Outubro de 2018

Eles apontam crimes eleitorais em suposta ação de empresários para custear mensagens anti-PT e fake news; impugnação é possível, dizem especialistas

Ver mais

Do amor à indecisão 09 de Março de 2018

TJ-BA aumenta vale-alimentação de servidores, juízes e desembargadores para R$ 1,1 mil 02 de Outubro de 2018

Supremo dá aval à terceirização irrestrita 31 de Agosto de 2018

Aeronave que transportaria cantora Cláudia Leitte é interditada pela ANAC 18 de Outubro de 2018

Simone chora em último show sem Simaria: “Melhor coisa a se fazer” 01 de Outubro de 2018