Servidor público baiano pode ser multado por disseminação de Fake News

 

O servidor público baiano que revelar intencionalmente informação falsa, fraudulenta ou distorcida, que prejudique a imagem de pessoas ou de instituições ou resulte em prejuízo à administração. A medida pode entrar em vigor caso seja aprovado o projeto de Lei do deputado estadual, Marcell Moraes (PSDB), na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba).

Conforme o projeto, quem insistir nessa conduta ficará sujeito a pagar indenização, além das demais penalidades. Estão entre as infrações a divulgação em meio impresso ou eletrônico sem indicação da fonte primária; quem utiliza programa softwares para gerar notícias ou informações falsas.

Para Marcell, cresceu nos últimos anos o número de servidores que, de forma deliberada, causam danos de imagem a pessoas e instituições pela veiculação de informações falsas. “Ainda se vê muita precariedade da regulamentação na área conhecida como ‘Fake News’, um caminho sensato é buscar o equilíbrio entre o livre exercício do livre arbítrio e seus limites, portanto, é interessante uma tipificação de infração administrativa, que deverá contribuir para debates mais amplos em cima do tema”.

O texto ainda propõe que o poder Executivo terá autorização para criar o Fundo Estadual de Combate à Informação Falsa, no intuito de rever as multas arrecadadas, que serão aplicadas em ações de enfrentamento à publicação de notícias falsas e em campanhas de conscientização.

Outras notícias

NOTÍCIAS

Marcell Moraes defende eleições municipais via internet

20 de Maio de 2020

NOTÍCIAS

Nova tecnologia de cirurgia na coluna permite alta no mesmo dia de pacientes baianos

20 de Maio de 2020

NOTÍCIAS

Processo de regulamentação da atividade funerária avança na Bahia

18 de Maio de 2020

Vereador Joceval Rodrigues destaca momento como oportuno para outorgar dispositivo que regulamentará atividade na capital

NOTÍCIAS

Projeto prevê testagem rápida de todos trabalhadores de saúde em unidades baianas na saída de cada plantão

12 de Maio de 2020

Medida proposta pelo deputado estadual Samuel Júnior (PDT) visa preservar familiares e reduzir a tensão dos trabalhadores que atuam no enfrentamento à pandemia

NOTÍCIAS

Deputado Alex Santana reforça pedido de leitos de UTI para Jacobina

12 de Maio de 2020

Ver mais

Do amor à indecisão 09 de Março de 2018

Advogado de Lula pede que juiz reconsidere acesso a sistema da Odebrecht 05 de Setembro de 2019

STJ analisa liberdade de Temer na próxima terça-feira 09 de Maio de 2019

Aos 98 anos, morre sambista Riachão 30 de Março de 2020

Preta Gil recebe alta após diagnóstico de coronavírus: ‘Estou curada’ 27 de Março de 2020