Médica vai responder por homicídio culposo em acidente que matou professora de balé

Médica Rute Nunes - FOTO: REPRODUÇÃO

A médica Rute Nunes Queiroz, de 49 anos, que se envolveu em um acidente que acabou com a morte da professora de dança Geovanna Alves Lemos, de 41 anos, em Salvador, foi indiciada por homicídio culposo, quando não há intenção de matar.

O inquérito policial do caso foi concluído e encaminhado ao Ministério Público da Bahia (MP-BA) nesta quarta-feira (9), segundo informações da Polícia Civil.

Ela também vai responder por lesão corporal culposa, quando não há intenção de ferir, pois o condutor da moto, identificado como Luciano da Silva Lopes, também teve ferimentos, porém leves.

Atualmente, ela responde ao inquérito em liberdade. No entanto, se a denúncia feita pela polícia for acatada pelo MP e pela Justiça, ela irá à julgamento e pode ser presa novamente. Não há previsão para uma reposta dos órgãos.

O caso

A médica dirigia o carro que bateu no mototáxi onde a professora viajava no dia do acidente, que ocorreu na Avenida ACM, em um trecho do bairro da Pituba.

FOTO: REPRODUÇÃO

A médica chegou a ser presa após o acidente, mas pagou fiança e foi liberada.

Outras notícias

JURÍDICO

MPE lança aplicativo de celular para mapear casos de racismo na Bahia

16 de Novembro de 2018

SAÚDE

MPF pede que escolas cobrem carteira de vacinação de alunos

15 de Novembro de 2018

FAMOSOS

Ivete fala pela 1ª vez sobre ‘silêncio’ nas eleições: 'Política fazemos todos os dias'

15 de Novembro de 2018

ESPORTE

Com treino regenerativo, Bahia se reapresenta de olho no Atlético-MG

15 de Novembro de 2018

NOTÍCIAS

Em interrogatório, Lula diz que não pagou por reformas porque não era dono do sítio em Atibaia

14 de Novembro de 2018

Ver mais

Do amor à indecisão 09 de Março de 2018

MPE lança aplicativo de celular para mapear casos de racismo na Bahia 16 de Novembro de 2018

Fachin envia pedido de liberdade de Lula para 2ª turma 06 de Novembro de 2018

Ivete fala pela 1ª vez sobre ‘silêncio’ nas eleições: 'Política fazemos todos os dias' 15 de Novembro de 2018

Erika Januza é vítima de ataque racista: ‘Macaca e fedida’ 30 de Outubro de 2018