Médica vai responder por homicídio culposo em acidente que matou professora de balé

Médica Rute Nunes - FOTO: REPRODUÇÃO

A médica Rute Nunes Queiroz, de 49 anos, que se envolveu em um acidente que acabou com a morte da professora de dança Geovanna Alves Lemos, de 41 anos, em Salvador, foi indiciada por homicídio culposo, quando não há intenção de matar.

O inquérito policial do caso foi concluído e encaminhado ao Ministério Público da Bahia (MP-BA) nesta quarta-feira (9), segundo informações da Polícia Civil.

Ela também vai responder por lesão corporal culposa, quando não há intenção de ferir, pois o condutor da moto, identificado como Luciano da Silva Lopes, também teve ferimentos, porém leves.

Atualmente, ela responde ao inquérito em liberdade. No entanto, se a denúncia feita pela polícia for acatada pelo MP e pela Justiça, ela irá à julgamento e pode ser presa novamente. Não há previsão para uma reposta dos órgãos.

O caso

A médica dirigia o carro que bateu no mototáxi onde a professora viajava no dia do acidente, que ocorreu na Avenida ACM, em um trecho do bairro da Pituba.

FOTO: REPRODUÇÃO

A médica chegou a ser presa após o acidente, mas pagou fiança e foi liberada.

Outras notícias

ESPORTE

Gilberto sai em defesa de Enderson, após eliminação do Bahia da Sul-Americana

22 de Fevereiro de 2019

O tricolor empatou em 0x0 com o Liverpool do Uruguai

NOTÍCIAS

Plataformas de transporte por aplicativos serão obrigadas a disponibilizar transporte de animais em Salvador

21 de Fevereiro de 2019

MUNDO

Guaidó vai à fronteira com a Colômbia garantir entrada de ajuda

21 de Fevereiro de 2019

POLÍTICA

ACM Neto anuncia Paulo Magalhães Jr. como novo líder do governo na CMS

21 de Fevereiro de 2019

NOTÍCIAS

MP-BA oferece denúncia contra padrasto de Eva Luana por estupro e tortura

21 de Fevereiro de 2019

Ver mais

Do amor à indecisão 09 de Março de 2018

Moro vai ao Congresso entregar Projeto de Lei Anticrime 19 de Fevereiro de 2019

Rosa Weber pede manifestação de ministro da Educação sobre entrevista 15 de Fevereiro de 2019

Após festa acusada de racismo, Donata Meirelles pede demissão da Vogue 13 de Fevereiro de 2019

Grávida de sete meses, Ticiana Villas Boas decide o nome do bebê 13 de Fevereiro de 2019