Autor de ataque contra Bolsonaro é levado para presídio em Juiz de Fora

FOTO: Divulgação

 

Identificado pela polícia como autor do ataque contra o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL), Adélio Bispo de Oliveira foi transferido na madrugada desta sexta-feira (7) para o Centro de Remanejamento do Sistema Prisional (Ceresp), em Juiz de Fora (MG).

Ele deve passar por audiência de custódia na Justiça Federal no começo da tarde, informou ao Globo o auxiliar da juíza de plantão, Patrícia Alencar.

Também detido por suspeita de envolvimento com o atentado, Bruno Pereira da Silva, de 21 anos, foi liberado por volta das 23h desta quinta-feira (6), depois de prestar depoimento.

Bruno afirmou que foi acusado injustamente de participação no ataque pelo ex-conselheiro tutelar de Juiz de Fora, Abraão Fernandes.

“Tinha uma desavença antiga com ele [Abraão] aqui na cidade, porque ele foi racista comigo. Quando me viu lá na hora apontou o dedo para mim e o policial veio me prender”, declarou Bruno, que é ativista do coletivo Vozes da Rua e estudante de Ciências Sociais.

Outras notícias

FAMOSOS

Após cinco anos, Schumacher não está mais em coma e não respira por aparelhos

18 de Dezembro de 2018

FAMOSOS

Simone e Simaria realizam demissão em massa de funcionários e surgem boatos de separação, diz colunista

18 de Dezembro de 2018

JURÍDICO

CNJ aprova novo auxílio-moradia de até R$ 4.377,73 para magistrados

18 de Dezembro de 2018

POLÍTICA

Guedes e governadores discutirão reforma da Previdência em janeiro

18 de Dezembro de 2018

NOTÍCIAS

Dias antes do Festival da Virada, Embasa libera lançamento de esgoto na praia da Boca do Rio

18 de Dezembro de 2018

Ver mais

Do amor à indecisão 09 de Março de 2018

CNJ aprova novo auxílio-moradia de até R$ 4.377,73 para magistrados 18 de Dezembro de 2018

TSE arquiva ação em que PT pedia inelegibilidade de Bolsonaro 13 de Dezembro de 2018

Após cinco anos, Schumacher não está mais em coma e não respira por aparelhos 18 de Dezembro de 2018

Simone e Simaria realizam demissão em massa de funcionários e surgem boatos de separação, diz colunista 18 de Dezembro de 2018