Laudo psiquiátrico aponta insanidade mental em agressor de Bolsonaro

FOTO: REPRODUÇÃO

A pedido da defesa de Adelio Bispo de Oliveira, agressor do deputado Jair Bolsonaro, uma avaliação psiquiátrica realizada por um profissional particular, apontou insanidade mental.

De acordo com os exames, Adélio sofre de distúrbios que alteram sua percepção da realidade. Com base no resultado, a defesa vai solicitar que ele seja transferido da cadeia para uma instituição psiquiátrico, conforme informações do Correio Braziliense.

Contudo, durante o primeiro inquérito para investigar o caso, a PF não solicitou exame psiquiátrico, por considerar que não seria uma atribuição dos investigadores. Para a PF, o agressor agiu por "divergências ideológicas" ao tentar matar o candidato do PSL à Presidência. A conclusão foi de que Adelio agiu sozinho. 

Outras notícias

JURÍDICO

TJ-BA condena promotor Almiro Sena a 4 anos de prisão por assédio sexual

12 de Dezembro de 2018

POLÍTICA

Após aprovação de Conselho Municipal de animais em Salvador, Senado aprova aumento de pena para maus tratos dos bichos

12 de Dezembro de 2018

POLÍTICA

Reforma administrativa proposta pelo governo do estado é aprovada na Alba

12 de Dezembro de 2018

ENTRETENIMENTO

Veja as listas do Google dos assuntos mais buscados em 2018 no Brasil e no mundo

12 de Dezembro de 2018

NOTÍCIAS

Conselho Municipal de Proteção dos Animais é aprovado na Câmara de Vereadores de Salvador

12 de Dezembro de 2018

Ver mais

Do amor à indecisão 09 de Março de 2018

TJ-BA condena promotor Almiro Sena a 4 anos de prisão por assédio sexual 12 de Dezembro de 2018

Turma do STF julga habeas corpus de Lula 04 de Dezembro de 2018

Xand Avião anuncia que não puxará trio elétrico em Salvador 09 de Dezembro de 2018

Anitta fortalece rumores de parceria ao posar em foto com Madonna 07 de Dezembro de 2018