CARNAVAL: ‘Marginalidade que se cuide’, diz comandante da PM

FOTO: REPRODUÇÃO

Comandante-geral da Polícia Militar, o coronel Anselmo Brandão afirmou, em entrevista a Mário Kertész, na Rádio Metrópole, que, durante o carnaval de Salvador, os portais terão reconhecimento facial. “A marginalidade que se cuide. Ele será fotografado e o trabalho é em loco. Tão logo a pessoa é identificada, será abordado. Quem estiver com seu mandado de busca e apreensão, não vá [para a festa]”, afirmou. 

Ainda de acordo com o comandante, os portais foram uma inovação que deu certo. “É uma lance desafiador. Quando começamos, tivemos 19 baleados no carnaval. O governador fez uma reunião de emergência e ninguém acreditava que iríamos fechar o circuito. Agora, a pessoa só entra no circuito abordado”, disse. 

Para Brandão, o Carnaval de Salvador hoje é um “verdadeiro Big Brother”. “Temos câmeras em todos os locais e ainda tem as do trio”, avisou. 

Outras notícias

NOTÍCIAS

Trabalhadores da saúde receberão adicional insalubridade durante a pandemia em Salvador

09 de Abril de 2021

Projeto aprovado na Câmara Municipal prevê o benefício em grau máximo

NOTÍCIAS

Consórcio do Litoral e Agreste da Bahia se reúne em assembleia para reconhecer novos municípios

09 de Abril de 2021

NOTÍCIAS

Câmara de Salvador aprova regulamentação da prática de esporte eletrônico em Salvador

08 de Abril de 2021

Texto segue para sanção do prefeito Bruno Reis (DEM)

NOTÍCIAS

Substitutivo da regulamentação de motoristas por aplicativo é alvo de discussão na Secretaria de Mobilidade de Salvador

07 de Abril de 2021

NOTÍCIAS

Consórcio do Litoral e Agreste da Bahia se reúne em assembleia para reconhecer novos municípios

07 de Abril de 2021

Ver mais

Do amor à indecisão 09 de Março de 2018

Advogado de Lula pede que juiz reconsidere acesso a sistema da Odebrecht 05 de Setembro de 2019

STJ analisa liberdade de Temer na próxima terça-feira 09 de Maio de 2019

Aos 98 anos, morre sambista Riachão 30 de Março de 2020

Preta Gil recebe alta após diagnóstico de coronavírus: ‘Estou curada’ 27 de Março de 2020