Após cinco anos, Schumacher não está mais em coma e não respira por aparelhos

Nesta terça-feira, 18 de dezembro, uma notícia comoveu o mundo. O ex-piloto da Fórmula 1, Michael Schumacher, enfim deixou o coma. Isso aconteceu cinco anos após o ex-Ferrari sofrer um grave acidente durante as férias, nos Alpes suíços. Ele esquiava, quando sofreu uma queda e bateu com a cabeça em uma pedra.

Além de sair do coma, Michael Schumacher, não respira mais com a ajuda de aparelhos. Apesar da boa notícia, ainda há dúvidas sobre o real estado de saúde de um dos maiores atletas de todo o tempo.

Apesar da melhora,  Michael Schumacher necessita de cuidados intensivos de enfermagem, que custam cerca de 50 mil libras por semana. Isso em reais significam cerca de 300 mil.

A informação sobre a melhora de Michael foi publicada pelo jornal Daily Mail, que é um dos maiores tabloides do mundo.

Outras notícias

POLÍTICA

“Até quando o Rui Costa vai fechar os olhos para o quintal dele? ”, questiona Marcelle Moraes sobre condições dos animai

18 de Março de 2019

POLÍTICA

Morre Epifânio Marques Sampaio, ex-prefeito de Muritiba

18 de Março de 2019

POLÍTICA

Bolsonaro recua e deve tratar da reforma da Previdência com ACM Neto

18 de Março de 2019

NOTÍCIAS

Altura da ponte Salvador-Itaparica é reduzida de 125 para 85 metros e preocupa setor náutico

18 de Março de 2019

ESPORTE

Baianão: Bahia vence o Jequié por 5x0 e vai a semifinal

17 de Março de 2019

Ver mais

Do amor à indecisão 09 de Março de 2018

Moro vai ao Congresso entregar Projeto de Lei Anticrime 19 de Fevereiro de 2019

Rosa Weber pede manifestação de ministro da Educação sobre entrevista 15 de Fevereiro de 2019

Conta de Bruna Marquezine no Instagram é desativada em meio a postagens de carnaval 05 de Março de 2019

Ivete se fantasia e curte Carnaval como foliã em Salvador 05 de Março de 2019