"Eu não toquei naquela moto", diz Kátia Vargas, ao afirmar que tentou ultrapassagem

FOTO/REPRODUÇÃO

Em depoimento à juíza Gelzi Souza, a médica Kátia Vargas confirmou que o condutor da moto, Emanuel, que levava a irmã Emanuelle, gesticulou quando ela estava parada no sinal, mas não sabia do que se tratava. O julgamento da médica ocorre no Fórum Ruy Barbosa, em Salvador, nesta quarta-feira (6).

A médica também explicou o que aconteceu em seguida: "ele estava na frente e eu atrás. Eu dei sinal de luz para ultrapassar e ele não saiu. Então, eu fiz menção de ultrapassar pela direita. Ele também fez menção de ir para a direita. Então eu voltei pela esquerda e ultrapassei. Não bati no fundo, na frente, nem no lado. Quando eu ultrapassei pela esquerda e voltei para a pista eu perdi o controle do carro. Depois não lembro de muita coisa".

"Eu acelerei o carro para ultrapassar a moto, não para alcançar a moto", disse a médica, que prosseguiu seu depoimento: "Quero dizer que em momento algum eu tive a menor intenção de causar nenhum acidente naquele dia. Eu não toquei naquela moto. Eu ultrapassei aquela moto completamente."

As informações são do site Bocão News. 

Outras notícias

ESPORTE

Em confronto direto, Bahia e Vitória fazem primeiro clássico neste Brasileirão

22 de Julho de 2018

ECONOMIA

Latam começa a cobrar passageiro pela marcação de assento no avião

19 de Julho de 2018

POLÍTICA

Após negativa de PR e PRP, Bolsonaro diz que o ‘seu partido é o povo’

19 de Julho de 2018

FAMOSOS

Simaria posta foto com irmã e anuncia 'retorno'

19 de Julho de 2018

ESPORTE

Vitória vence o Paraná e abre distância do Z-4

18 de Julho de 2018

Ver mais

Do amor à indecisão 09 de Março de 2018

STF SOLTA JOSÉ DIRCEU 26 de Junho de 2018

Câmara dos Deputados aprova projeto que permite advogado sem procuração ver processo eletrônico 15 de Maio de 2018

Simaria posta foto com irmã e anuncia 'retorno' 19 de Julho de 2018

Corte irá decidir se filhas de Menghan e Harry terão título Real 17 de Julho de 2018