A médica Kátia Vargas foi inocentada nesta quarta-feira (6) por decisão do júri popular.

FOTO: REPRODUÇÃO

Durante dois dias, testemunhas de defesa e acusação, além dos advogados e promotores, foram ouvidos pela juíza Gelzi Souza e os sete jurados. O júri popular chegou a sentença que absolveu totalmente Kátia

Os jurados responderam nesta quarta, em uma sala secreta do Fórum Ruy Barbosa, a sete quesitos. Primeiro: o fato ocorreu? A moto bateu contra o poste? Segundo: Ré atirou seu veículo em alta velocidade contra a moto? Terceiro: A manobra da ré decorreu de imprudência? Quarto: A ré deve ser absolvida? Quinto: A ré agiu por motivo fútil? Sexto: Ré agiu de modo que impedisse a defesa das vítimas? Sétimo: Ré agiu de modo que pudesse resultar em perigo comum em uma via pública com grande número de pedestres?

Presente no julgamento, a família da médica comemorou a decisão. Já a promotoria informou que vai recorrer da decisão.

Kátia foi acusada pelo Ministério Público de atirar intencionalmente o carro que dirigia contra os irmãos Emanuel e Emanuelle Gomes, em outubro de 2013, em Ondina.

 

Outras notícias

POLÍTICA

Haddad critica "silêncio absoluto" do TSE sobre suposta compra de mensagens de WhatsApp

19 de Outubro de 2018

POLÍTICA

Agências de mensagens e Flávio Bolsonaro são bloqueados no WhatsApp

19 de Outubro de 2018

ESPORTE

Bahia x Atlético-PR: venda de ingressos em pontos físicos abre neste sábado

19 de Outubro de 2018

POLÍTICA

Candidatos declaram gastos de R$ 3 mi com WhatsApp

19 de Outubro de 2018

NOTÍCIAS

Rede de trilhas de 18 mil km começa a ser construída no Brasil

19 de Outubro de 2018

Ver mais

Do amor à indecisão 09 de Março de 2018

TJ-BA aumenta vale-alimentação de servidores, juízes e desembargadores para R$ 1,1 mil 02 de Outubro de 2018

Supremo dá aval à terceirização irrestrita 31 de Agosto de 2018

Bruna Marquezine confirma fim de namoro com Neymar 18 de Outubro de 2018

Aeronave que transportaria cantora Cláudia Leitte é interditada pela ANAC 18 de Outubro de 2018