Grupo que ateou fogo em casa e matou mulher e criança em Barra do Pojuca é liderado por adolescente

03 2017, 12h18

FOTO: REPRODUÇÃO

Uma quadrilha comandada por um adolescente de 16 anos teria sido responsável pelo incêndio que acabou com a morte de mulher e de criança na localidade de Barra de Pojuca, em Camaçari, na região metropolitana da capital.


A informação é delegada que atua no caso, Aymara Vaccanni, que diz que o adolescente exerce um liderança assustadora sobre outros jovens da região. A quadrilha que ele comanda já teria matado mais de 20 pessoas na localidade.


"Tem sido para nós aqui da delegacia uma luta incessante na tentativa de pegar esse adolescente, que lidera essa quadrilha de tráfico de drogas em Barra de Pojuca. Já pleitei a prisão preventiva de um dos irmãos dele. Consegui. E um outro irmão dele, que também era parceiro, está se restabelecendo, porque tomou vários tiros [em outra situação] e não tem condições ainda de continuar participando da quadrilha do irmão. Mesmo assim, ele continua recrutando outros adolescentes , outros jovens de Barra de Pojuca, exercendo uma liderança incrível", diz a delegada Aymara Vaccanni.


O adolescente, que é suspeito da infração, ainda não foi localizado, como também os demais integrantes da quadrilha. As motivações do incêndio ainda estão sendo apuradas.

 

Comentar

* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.