Ex-namorado de Viih Tube é acusado de apologia à zoofilia

 

Um vídeo do Youtuber e ex-namorado da BBB Viih Tube viralizou nas redes sociais e tem gerado indignação entre os internautas. Nas imagens, o modelo de 22 anos simula um ato sexual com um gato. 

A vereadora e protetora de animais, Marcelle Moraes (DEM), repudiou o ato e afirmou que o influenciador digital deveria ser responsabilizado judicialmente por apologia ao crime. “Não podemos compactuar com esse ato repugnante. Zoofilia é crime e incitar esse tipo de prática também é passível de pena criminal. Esse influenciador deve ser punido exemplarmente por fazer uma apologia explícita e abominável ao incentivar atos sexuais com um gato”, justificou Marcelle. 

De acordo com a legislação vigente no país, no Decreto-lei nº 2.848, zoofilia é crime, assim como a incitação ao ato, além de qualquer categoria de maus tratos a animais silvestres ou domésticos.

A pena para atos desse tipo pode resultar em pena de detenção entre três e um ano, além de pagamento de multa.

Outras notícias

NOTÍCIAS

Deputados baianos intensificam luta pela assistência às pessoas que fazem uso abusivo de álcool e outras drogas

10 de Junho de 2021

NOTÍCIAS

Bases do SAMU são vistoriadas em mais uma edição do “Manda SMS pra mim”

10 de Junho de 2021

NOTÍCIAS

Prefeitura de Cardeal da Silva quita dívida antiga de policlínica ao Estado

09 de Junho de 2021

Débito ultrapassava R$ 80 mil e impedia recebimento de novos recursos estaduais

NOTÍCIAS

Curso inédito de Autocura e Libertação elaborado por Olyvia Libório já está disponível para o público

01 de Junho de 2021

NOTÍCIAS

Salvador ampliará acessibilidade das pessoas surdas aos serviços da Prefeitura

31 de Maio de 2021

Ver mais

Do amor à indecisão 09 de Março de 2018

Advogado de Lula pede que juiz reconsidere acesso a sistema da Odebrecht 05 de Setembro de 2019

STJ analisa liberdade de Temer na próxima terça-feira 09 de Maio de 2019

Em meio à pandemia, Ivete Sangalo planeja festão de Réveillon 10 de Maio de 2021

Latino presta depoimento após acusações de intolerância religiosa 07 de Maio de 2021