Prefeito lança Operação Dengue 2021 para combater o Aedes aegypti em Salvador; confira

Reprodução/ ASCOM Bruno Reis

 

O prefeito Bruno Reis lançou, nesta quinta-feira (18), em coletiva virtual, a Operação Dengue 2021, que prevê uma série de ações de combate ao mosquito Aedes aegypti para impedir o avanço das arboviroses em toda cidade.

O lançamento da operação, coordenada pelo Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), vinculado à Secretaria Municipal da Saúde (SMS), foi estrategicamente escolhido para este mês, que, historicamente, é pontuado por um aumento do número de ocorrências das doenças transmitidas pelo Aedes. 

“Março marca a transição do verão para o período das chuvas, sendo o momento mais favorável para a proliferação do mosquito. A pauta prioritária da cidade é o enfrentamento ao coronavírus, mas essa ação está diretamente associada. O objetivo é tirar a pressão do sistema de saúde decorrente de casos da dengue, chikungunya e zika vírus. Isso vai diminuir o número de atendimento de mais pessoas nas UPAs, que estão comprometidas por conta da Covid-19”, explicou o prefeito, ao lado da vice-prefeita Ana Paula Matos e do titular da SMS, Leo Prates.

De 3 de janeiro a 7 de março 2020, Salvador contabilizou 3.526 casos de dengue, 1.864 de chikungunya e 279 de zika vírus. No comparativo atual, as ocorrências dessas arboviroses caíram consideravelmente: no mesmo período deste ano, a cidade registrou 111 casos de dengue, 61 de chikungunya e 19 do zika vírus.  

Bruno Reis fez um apelo para que todos os soteropolitanos colaborem para conter a proliferação do Aedes. “Com a pandemia, a população precisa fazer ainda mais sua parte, tirando de suas casas recipientes que acumulam água para evitar o ambiente propício para o mosquito”. 

Investimentos

Para a Operação Dengue 2021, a Prefeitura investirá R$2,5 milhões. Os recursos servirão para aquisições de equipamentos como pulverizador costal de compressão prévia para inseticidas, EPIs para as equipes de saúde, capas para reservatórios de água, botas de segurança para UBV e FOG, respirador facial e filtros, além de insumos como larvicida, inseticida e óleo mineral. 

Também será feita a contratação de motofogs, aplicação de inseticida realizada através de motos. O método permite mais agilidade em terrenos e ruas com acessos restritos, onde há dificuldade para entrada de carros. 

As equipes nas ruas terão à disposição tablets em substituição aos formulários impressos. Além disso, serão realizados 30 mil testes rápidos para detecção das arboviroses nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) da rede municipal. 

A Prefeitura também intensificará outras medidas dentro dessa estratégia para eliminar focos do Aedes aegypti. Uma delas é a aplicação de larvicidas em imóveis abandonados. Essa estratégia é possível porque o município dispõe de contrato de prestação de serviço com chaveiros. 

Também estão previstos instalação de ovitrampas – armadilhas para capturar os ovos do mosquito – nos Distritos Sanitários do Centro Histórico, Barra/Rio Vermelho e Itapuã.  A operação conta ainda com iniciativas complementares de controle ao Culex (muriçoca) em seis Distritos Sanitários, onde os agentes farão coleta, aplicação de larvicida e inseticida. As ações ocorrerão em 15 bairros, 21 canais e 64 ruas. 

Ações intersetoriais 

A Operação Dengue 2021 vai abranger todos os 170 bairros de Salvador e contará com ações articuladas entre as secretarias municipais da Saúde (SMS), Manutenção (Seman), Educação (Smed), Promoção Social, Combate à Pobreza, Esportes e Lazer (Sempre), Comunicação (Secom) e Ordem Pública (Semop), através da Empresa de Limpeza Urbana de Salvador (Limpurb) e Guarda Civil Municipal (GCM). Com auxílio da Seman, o controle da proliferação do Aedes alcançará canais, lagoas e córregos nos bairros com maior índice de infestação do mosquito. 

Por meio da Secom, serão divulgadas campanhas publicitárias em mídias diversas, dentro da estratégia de controle vetorial. A Smed apoiará a implementação de conteúdo curricular e realização de ações educativas voltadas para o controle das arboviroses, colaborando ainda para as inspeções zoossanitárias em todas as unidades de ensino da rede municipal. 

A SMS, Limpurb e GCM realizarão mutirões, incluindo a modalidade de “bota fora”, para recolher materiais inservíveis das residências nas comunidades com aumento do registro de focos. A Sempre, por sua vez, atuará em intervenções nos imóveis de acumuladores. 

Estarão nas ruas diariamente cerca de 1 mil agentes de combate às endemias e 36 colaboradores das demais secretarias. Serão utilizados 20 veículos do modelo Doblò para logística e supervisão, seis caminhonetes para as ações de UBV Leve e mais quatro veículos do tipo para as ações de UBV Pesada. 

Capacitações

Durante a operação, a Prefeitura realizará capacitações nas redes de atenção primária e de urgência e emergência para o atendimento dos casos suspeitos de arboviroses, incluindo o preenchimento das fichas de notificação compulsória. As qualificações envolverão ainda profissionais de laboratório para a coleta e encaminhamento das amostras biológicas para diagnóstico laboratorial; integração da equipe de urgência e emergência, atenção primária e rede laboratorial com os profissionais da Vigilância à Saúde, para apoiar a realização das investigações epidemiológicas. 

Balanço 

Na Operação Dengue 2020, a Prefeitura realizou 93 mutirões para eliminação do Aedes aegypti. Foram alcançados 161 ruas, 5.756 imóveis e 12.376 criadouros. Além disso, 1.502 toneladas de resíduos foram coletadas. Nas ações de bloqueio de transmissão, foram feitas 2.856 pulverizações de inseticida a Ultra Baixo Volume; tendo 11.471 quarteirões alcançados; 681.325 imóveis tratados com inseticida; e 2.018 litros de calda de inseticida utilizados.

Outras notícias

MUNDO

Miami dará vacina da Covid em aeroporto, e Nova York planeja oferecê-la em pontos turísticos

07 de Maio de 2021

POLÍTICA

Cris Correia propõe mudança em lei em prol de mulheres, crianças e idosos

07 de Maio de 2021

Vereadora quer ampliar notificação para fortalecer a proteção

CIDADE

Habilitados para tomar 2ª dose da vacina Oxford no domingo poderão se imunizar um dia antes

07 de Maio de 2021

FAMOSOS

Latino presta depoimento após acusações de intolerância religiosa

07 de Maio de 2021

POLÍCIA

Polícia apreende 100 kg de cocaína em Salvador

07 de Maio de 2021

Ver mais

Do amor à indecisão 09 de Março de 2018

Advogado de Lula pede que juiz reconsidere acesso a sistema da Odebrecht 05 de Setembro de 2019

STJ analisa liberdade de Temer na próxima terça-feira 09 de Maio de 2019

Latino presta depoimento após acusações de intolerância religiosa 07 de Maio de 2021

Fausto Silva acerta com a Band e assina contrato na semana que vem, diz colunista 30 de Abril de 2021